PK

Detalhes

Bio

Natural do Rio de Janeiro, Pedro Henrique Bendia, mais conhecido como PK, respira música desde pequenininho, tanto que seu apelido surgiu após ficar conhecido entre os amigos do colégio por sua habilidade de fazer rimas. Suas influências musicais tomaram grande proporção na quarta-série, época em que começou a ouvir Racionais por indicação de um amigo. Já o funk surgiu e ganhou forças na vida de PK, por ser o estilo musical predominante do lugar em que morava.

Apesar da pouca idade, PK coleciona experiências no ramo musical e sua descoberta se deu por conta de uma participação - em 2013 - na Batalha do Real, a maior batalha de rimas do Rio de Janeiro, e o resultado não poderia ser outro: campeão.

Sua performance ganhou tanta visibilidade que, em 2016, montou o grupo Class A com mais dois amigos: Igor Adamovich e Oik. A primeira música de trabalho da banda, "Uma dose", foi tão
bem aceita pelo público que bateu a marca de 42 milhões de visualizações no Youtube e seu canal chegou a mais de 1 milhão de inscritos. Juntos, o trio assinou contrato com a gravadora Warner e lançou "Nós dois", mais um sucesso da banda com mais de 28 milhões de visualizações. "Decidimos montar a banda sem entender muito a proporção que isso ia tomar. Quando me dei conta já estava cantando, vendendo shows, e falando com os contratantes. Foi loucura! Foi
realmente onde tudo começou", explica.

Em 2018, os meninos da Ilha do Governador entraram em um consenso e cada um seguiu seu caminho. Agora, em carreira solo, PK continua mesclando os beats do rap com as batidas do funk, buscando transitar em outros gêneros para ampliar seus horizontes. E o resultado é um 2019 cheio de trabalhos e novidades. Em março, lançou o single "Quando a vontade bater", que atualmente carrega mais de 100 milhões de plays em áudio e vídeo. A faixa "Indomável" com o cantor Belo, marca uma nova fase em sua carreira, transitando por novos ritmos, mas sem deixar de lado suas origens. Atualmente possui mais de 8 milhões de cliques nas plataformas de stream. Outros singles que esteve presente como "Meu Mundo" com WCnoBEAT, MC Cabelinho, MC hariel e Orochi, "Como Ela Vem" do Papatinho com Luccas Carlos, Xamã e Orochi, e "Também Quero" com a cantora Clau, confirmam este novo momento do cantor. Apaixonado por música e compositor de suas próprias canções, PK lança em agosto seu primeiro EP composto de quatro novas faixas e com a participação de nomes como Ludmilla, Kevin O Chris, DJ Pedro Henrique e DJ Tubarão. Intitulado "ImPKvel", o trabalho marca a carreira do carioca que conta com um crescimento expressivo na internet e, hoje, já soma mais de 3 milhões de seguidores em suas redes sociais (Instagram, Facebook, Twitter e Spotify). No mais, para quem não sabe, PK é apaixonado por futebol - e pelo Flamengo - e cursou psicologia por um tempo até decidir se dedicar inteiramente à música. Dono de uma voz incrível e talento sem igual, ele busca, por meio do seu som, levar entretenimento aos seus fãs e mostrar que com perseverança tudo é possível sim, mesmo com os obstáculos do dia a dia. "Não importa o estilo, eu respiro música 24h por dia. Vou jogar futebol com os amigos e continuo fazendo rimas durante as partidas. Durmo pensando em música e acordo pensando
nela", complementou.

Seu objetivo é ser reconhecido cada vez mais como cantor e compositor e levar sua música para
os quatro cantos do Brasil.